sábado, outubro 06, 2012


Elias e Rosa. Nossa história.Parabéns meu amor!

1
Hoje é um dia super especial, dia do aniversário do meu marido lindo Elias Camilo Nassin.
Já falei pra ele tudo o que eu queria, já me declarei, já declarei ao mundo o tamanho do meu amor por ele, mas nunca acho que é o suficiente, então nesse post eu quero deixar registradas mais algumas palavrinhas.
Esse homem é um exemplo de integridade pra mim, uma pessoa a quem admiro e respeito, não apenas por ser meu marido, mas por ser um exemplo de caráter.
Para quem não conhece nossa história eu vou fazer um breve resumo.
Nosso namoro foi muito conturbado, nos conhecemos via internet,ele é de Mococa SP e eu de Maceió AL. Ele me mandou uma mensagem no orkut e eu fui grossa ao responder, pois estava com "dor de cotovelo" por outro rapaz, depois o Elias insistiu e continuou falando comigo, fui ao orkut dele e vi as fotos, me encantei, foi "amor a primeira vista" pois só havia visto as fotos. Achei o homem a coisa mais linda do mundo! kkkkkkkkk... Depois de alguns dias conversando e trocando ideia fomos percebendo que rolava alguma coisa, o gosto musical, os pensamentos eram iguais e a vontade de nos conhecermos só aumentava. Passados mais alguns dias ele me perguntou se eu já havia tido um namorado virtual, e eu disse que não, então ele me perguntou " Quer namorar comigo?", eu pensei bem e não levando a sério aceitei seu pedido, porém a coisa foi ficando séria, eu não conseguia mais me afastar do computador, era necessário falar com ele todos os dias, então fomos trocando ligações, enviando cartas, e-mails e declarações. Depois de três meses ele foi a Maceió que é a minha cidade natal, sem nunca ter viajado de avião ou sequer saído do estado dele para outro tão distante. E ele foi. Eu estava super nervosa no aeroporto, acompanhada pela minha mãe e um amigo, então ele vem no portão de desembarque, todo lindo, tinha os cabelos compridos e usava um terno preto, parecia uma miragem, eu estava tão feliz, ele era perfeito e cumpriu com a palavra dele, foi me conhecer e provar a todos que um dia duvidaram.
O Elias passou oito dias em minha cidade, mas o sonho acabou e ele teve que voltar para a cidade dele, então começou novamente o nosso sofrimento e foi pior porque passamos lindos momentos juntos e ficou complicado de aceitar que aquilo poderia não ser pra sempre. Depois de alguns meses eu vim para a cidade dele, conhecer toda a família Nassin, fiquei super contente e aproveitei os cinco dias que fiquei ao lado dele, então mais uma vez o encantou acabou, tive que voltar para Maceió. E o nosso namoro seguia assim, na saudade até que um dia alguém fez uma fofoca ao pai dele e então o Elias acreditou e terminou o namoro comigo, depois de um ano namorando a distancia, ficamos "separados" por um mês eu acho, mas eu falava com ele pelo msn todos os dias. Então minha mãe vendo que eu estava muito triste ligou para ele e fez uma proposta; " Você vem pra Maceió, me ajuda com a venda das minhas coisas e voltamos juntos para Mococa, a Rosa se casa com você e dá tudo certo", ele ficou muito feliz e na hora aceitou, reatou o namoro comigo, acreditou na minha palavra, largou o emprego e foi para Maceió confiando na palavra da minha mãe, isso em 2008 já, nos conhecemos no fim de 2006. Então os meses foram de passando e minha mãe não cumpriu com a palavra que tinha dado, mesmo assim o Elias estava feliz ao meu lado e também tinha feito amigos novos e se acostumado com a correria da capital, então ele decidiu;" Dona Ligia ( minha mãe) eu gostei da cidade, vou fazer um curso, procurar emprego, me caso com a Rosa e moro aqui em Maceió mesmo!" ou seja, ele naquele momento havia desistido de morar na cidade onde ele nasceu pra ficar em Maceió comigo! Minha mãe amou, pois essa era a real intenção dela, ela já estava contando com isso, só que nem tudo deu certo, não era a vontade de Deus, o Elias fez o curso de segurança patrimonial, tirou ótimas notas, mas não conseguia emprego e minha mãe achava que era de propósito, achava que ele queria ficar as custas dela. O tempo foi passando e a mascara da minha mãe foi caindo, ela ficou muito diferente, nos tratava com frieza, não nos ajudava mais e nos proibiu de comer na casa dela, como meu na época namorado não tinha dinheiro ficou complicado até para ter uma alimentação, mas a família dele ajudava mandando dinheiro na conta de alguns amigos. Um dia ele só tinha um real na carteira, estava na praia e viu uma daquelas crianças vendendo rosas, comprou uma e voltou pra casa, chegando lá chorando em prantos ele me disse " não deu certo, não foi somos sonhamos nem como eu planejei, mas meu amor por você é verdadeiro, eu queria um lindo ramalhete para te entregar, infelizmente não posso. Mesmo eu sendo assim, simples e cheio de defeitos, quer se casar comigo?" Eu chorando, achei aquilo a coisa mais singela e linda do mundo, e lógico aceitei. Começou a nossa luta, porém estávamos fortes porque ele tinha a mim e eu a ele, ali pertinho, lado a lado. Fomos procurar saber tudo sobre o casamento, como seria, o que precisava, documentos e tudo mais, fomos atras das testemunhas, tudo por nossa conta, minha mãe de certo modo apoiava, mas contra a vontade, até que acontece um acidente. Minha mãe bateu com o carro e eu estava dentro com o Elias, ele se machucou um pouco, mas não foi nada grave, depois ele ficou doente, isso as vésperas do casamento. Enfim, chegou o dia do casamento, dia 15/04/2008, deu problema no carro da minha mãe que tinha sido reformado, descemos uma ladeira enorme na banguela, um medo terrível, no transito caótico de Maceió, mas enfim chegamos, demos sorte o juiz estava atrasado. Então nos casamos e passamos alguns dias mágicos na praia do Francês, aproveitamos tudo, mas quando voltamos dos deparamos com a realidade, minha mãe estava cada vez pior e mais arrogante, nos tratando mal e o Elias sem conseguir emprego. no dia em que completei 18 anos aconteceu o pior, ela jogou meu bolo pela janela no segundo andar e destruiu minha festa, brigou com meus amigos, enfim, aprontou geral, depois somo um anjo minha sogra ligou " comprei as passagens dos dois, agora vc que decide Rosa, vem com o meu filho?" e eu respondi que sim, já estava casada, ele era meu homem e eu não ia perder por um capricho da minha mãe. O Elias se juntou com nossos amigos e armou um esquema, arrumava as roupas e entregava a Bruna, nossa amiga sempre que minha mãe saia, do dia certo da viajem tudo ocorreu como planejado, minha mãe não ficou sabendo da nossa fuga e meus sogros orando por nós aqui em Mococa. Foi muito triste, eu deixei uma carta explicando para minha mãe o porque da minha decisão e lamentei muito, pois eu sabia que aquela reação dela era o medo de me perder. Saímos do condomínio onde eu morava acompanhados dos amigos, e foi aquele chororó, uma despedida dolorosa, tanto dos amigos como da minha cidade linda que eu tanto amo. No carro de um amigo nos dirigimos ao aeroporto de Maceió e as três da madrugada embarcamos para Guarulhos SP. Quando eu vi minha Maceió toda brilhante do avião me deu uma crise de choro e eu não conseguia parar, dormi praticamente toda a viagem. Então chegamos a SP, vida nova!
Meus amigos me contaram que no dia seguinte minha mãe deu um show, chegou até a falar que eu tinha sido sequestrada pelo meu marido, depois de um dia ele estava aqui em Mococa, discutimos mas eu não voltei com ela. Quando o Elias chegou as coisas foram caminhando, com pouco tempo ele conseguiu emprego, morei um ano na casa dos meus sogros, conheci a palavra de Deus e minha vida mudou, tive experiencias maravilhosas e tudo foi caminhando, mas a saudade de casa era terrível  para ter meu marido por perto tive que abandonar a minha família, amigos e cidade. Depois nos mudamos para uma casa, é a que moramos até hoje a uns dois anos, somos muito felizes e já estamos casados a quatro anos, pela graça do Senhor Jesus.
Eu e minha mãe nos entendemos, o Elias também convive na paz com ela, mas foi difícil até chegarmos aqui.
Sempre que posso volto a Maceió para passar alguns dias e matar a saudade de todos e a minha. Graças a Deus as coisas se encaixam e tudo acontece no tempo e como nosso Pai deseja. Depois da tempestade vem a bonança.
Essa é a nossa história, estrada complicada mas no fim veio a vitória.
E hoje é aniversário dessa pessoa maravilhosa que Deus colocou em minha vida, meu presente abençoado, meu marido e amigo lindo que tanto amo.
Parabéns Elias, que sua vida seja iluminada e abençoada, que seus dias sejam alegres e prósperos e que a cada dia com a ajuda do nosso Senhor Jesus Cristo possamos juntos alcançar nossos objetivos e realizar nossos sonhos.
Eu te amo e pra sempre vou te amar. :*
Agradeço a todos que leram esse post até o fim, me contem a sua história, vou ficar feliz em conhecer.
Que Deus os abençoe.
Beijos







1 comentários:

Milena Bessa, Blog LindaMake! disse...

Vocês estão mais lindos hoje ainda.
que amor lindo,parabéns ao casal e felicidades,beijos.

Postar um comentário